Pesquise neste blog

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Documentos indicam suposta apropriação indébita envolvendo Raad Massouh




"Meus funcionários foram chamados à delegacia e todos negaram. 
É mais uma picuinha para denegrir a minha imagem. Como eu estaria
 fazendo isso com quem ganha R$ 900?" Raad Massouh, Dep. Distrital (PPL)

Além de ser investigado por desvio de emendas na Operação Mangona do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) e da Polícia Civil, o distrital Raad Massouh (PPL) responde por suposta apropriação indébita de parte dos salários dos funcionários do gabinete dele na Câmara Legislativa. Pelo menos 20 servidores ligados a Raad já prestaram depoimento na Divisão Especial de Repressão aos Crimes Contra a Administração Pública (Decap). Entre os elementos que levantaram a suspeita sobre uma eventual partilha ilegal de remunerações estão informações contidas em cadernetas apreendidas pela polícia com nomes, cargos e valores.

Os nomes correspondem aos funcionários que foram chamados a prestar depoimentos. As quantias digitalizadas referem-se aos valores de cargos e gratificações. Em uma coluna da direita, estariam manuscritos valores menores que as das remunerações impressas. Esses dados indicariam, segundo suspeitam os investigadores, o montante devolvido por servidores do gabinete de Raad. Em alguns nomes, há a letra “n” ao lado, o que significaria que o funcionário em questão não estava entre os que devolviam parte do salário. 

Fonte : Correio Braziliense

JUSTIÇA: Em Sobradinho, Rapaz acusado de matar para defender o pai é absolvido



O Conselho de Sentença absolveu, na tarde de quarta-feira, 28/11, Eliézio Oliveira Fonseca do crime de homicídio. O jovem foi julgado no Tribunal do Júri de Sobradinho, acusado de matar um homem na Vila Rabelo no dia 4 de novembro de 2008, para defender o pai.

A denúncia apresentada no início da ação penal relata que Eliézio, “utilizando-se de uma faca, desferiu vários golpes em Edvaldo Ferreira dos Santos”. Ferido, Edvaldo faleceu no local.

O crime aconteceu no dia 4 de novembro de 2008, por volta do meio-dia, na Quadra 4 da Vila Rabelo II em Sobradinho/DF. Explica a peça acusatória que tudo começou quando Edvaldo ouviu de terceiras pessoas que Elizeu Romão estaria assediando sua companheira.

Irritado, armou-se de uma faca e foi ao encontro do suposto rival. Ao se encontrarem, interpelou-o e ameaçou-o de morte, relata o Ministério Público. Temeroso, Elizeu saiu correndo e Edvaldo o seguiu. Na altura da Quadra 4, Eliézio, filho de Elizeu, surgiu empunhando uma faca. Todos pararam de correr. Edvaldo teria continuado proferindo suas ameaças e Elizeu arremessou-lhe uma pedra, atingindo sua cabeça e fazendo-o cair no chão. Em seguida, Eliézio desferiu-lhe golpes de faca, ferindo-o letalmente, narra a acusação.

Em juízo Eliézio confessou ter agredido a vítima. Contou que estava em um mercadinho com a faca cortando frango quando uma mulher o teria chamando dizendo que “estavam tentando matar o seu pai”. Disse que esfaqueou Edvaldo quando ele já estava se levantando. Reiterou que “só agrediu a vítima pois achou que ela mataria seu pai”.

Eliézio chegou a ser pronunciado para responder perante júri popular por homicídio qualificado, por dificultar a defesa da vítima. Porém, a 1ª Turma Criminal, por unanimidade, excluiu a qualificadora. “se a prova dos autos dá conta de que a vítima não foi atingida de surpresa, de maneira que poderia prever uma reação violenta do réu, é imperiosa a exclusão da qualificadora do emprego de recurso que dificultou a defesa do ofendido”.

Fonte : SB – TJDF/ Ferreira Santos

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Um dia após ação do MP, Raad Massouh pede afastamento do cargo



MP investiga Raad Massouh por suposto desvio de verba; ele nega.
Promotorres aprenderam documentos na casa e no gabinete dele.

O secretário da Micro e Pequena Empresa e Economia Solidária do Distrito Federal, Raad Massouh, pediu afastamento do cargo nesta quarta-feira (28).

O pedido de afastamento ocorre um dia após ação do Ministério Público, que investiga suposto desvio de verbas de emenda parlamentar para evento em Sobradinho, em 2010. A operação resultou na apreensão de documentos na casa e no gabinete do secretário.

Em nota, a secretaria de imprensa do GDF diz que o “secretário manifestou ao governador Agnelo Queiroz seu desejo de participar das importantes votações de fim de ano na Câmara Legislativa, assim retomando seu mandato parlamentar.”

A assessoria do secretário informou ao G1que ele já havia decidido que deixaria o cargo para participar da votação da Mesa Diretora da Câmara Legislativa do DF. Massouh é deputado pelo PPL.

Ele é o autor da emenda que destinou os recursos a uma festa em Sobradinho, para o fomento do turismo rural. Ao G1, o secretário afirmou, nesta terça, que sabe das irregularidades apontadas na realização do evento, mas disse que a responsabilidade não é dele.

"Não tenho obrigação de fiscalizar o uso da verba. Quem usa a verba é o Executivo, foi o administrador de Sobradinho na época. Ele pegou a verba e usou em outro evento, e eu não tenho nada a ver com isso. O Ministério Público tem mais é que fazer isso, tem que averiguar mesmo. Eu estou tranquilo, até minhas armas são registradas ", disse Massouh.

O evento ocorreu em outubro de 2010. Uma denúncia anônima levou a polícia a investigar a destinação de dinheiro público para a festa, que foi contratada com dispensa de licitação. As denúncias envolvem ainda superfaturamento de shows e atestados falsos na prestação de contas.

Na época, a região era administrada por Carlos Augusto de Barros. O G1 tentou contato com ele, mas não obteve retorno. Quando começaram as investigações, o ex-administrador disse que dispensou a licitação amparado por lei, que não houve superfaturamento dos shows e que o evento só foi feito em um dia por problema na geração de energia. Quanto aos artistas que não se apresentaram, ele disse que os shows foram compensados de outra forma.

Barros foi indicado para o cargo pelo próprio Massouh, em maio de 2010. Ele permaneceu à frente da administração até o final do mandato, em dezembro de 2010, dois meses depois do início das investigações sobre a irregularidade.

A atual administração de Sobradinho informou nesta terça que a irregularidade aconteceu na gestão anterior e que o processo está na Polícia Civil, por isso não há como se manifestar a respeito.

Fonte G1/DF - foto divulgação

GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL

Nota à Imprensa




O secretário da Micro e Pequena Empresa e Economia Solidária, Raad Massouh, pediu afastamento do cargo na tarde desta quarta-feira, 28/11. O secretário manifestou ao governador Agnelo Queiroz seu desejo de participar das importantes votações de fim de ano na Câmara Legislativa, assim retomando seu mandato parlamentar.

O cargo de secretário da Micro e Pequena Empresa e Economia Solidária será ocupado interinamente pelo secretário-adjunto, Vitor de Abreu Corrêa.

  
Secretaria de Comunicação
Governo do Distrito Federal

SEGURANÇA: Com ordem judicial para manter distância, homem incendeia casa de ex-mulher


Um pedreiro foi preso nesta manhã de quarta-feira (28/11), suspeito de atear fogo à casa da ex-esposa na Fazendinha, em Sobradinho. Segundo a Polícia Militar, João Pereira dos Santos Filho, de 38 anos, usou tíner e fósforo para incendiar a casa, na Quadra 1. O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar foram acionados para atender a ocorrência. A mulher e as duas crianças, de 13 e oito anos, que estavam na casa, escaparam sem ferimentos. Apenas a mais nova era filha do casal.

Segundo o delegado, Laércio de Carvalho, a ordem judicial foi emitida pela justiça nessa terça-feira. Quando soube da decisão, o o suspeito teria simulado saída definitiva da casa. Depois de alguns minutos, ele voltou demonstrando a intenção de atear fogo na residência. A muher saiu com os filhos do local antes do incêndio começar.

Os bombeiros conseguiram apagar as chamas em poucos minutos e a polícia prendeu o suspeito duas ruas abaixo da casa. Ele foi conduzido para a 6ª Delegacia de Polícia (Paranoá), responsável pela área. Na delegacia, os agentes confirmaram que o homem tinha ordem judicial determinando que ele deve manter distância da residência. A dona da casa também está na delegacia.

Fonte correio web

Três pessoas próximas a Raad estão na mira da Operação Mangona




*Lilian Tahan 

Entre os endereços de busca e apreensão da Operação Mangona, que investiga o desvio de dinheiro público e tem como alvo o deputado distrital Raad Massouh, está a casa e o escritório do administrador do Sudoeste e Octogonal, Marcello Siciliano. Ele é uma indicação de Raad, que é deputado, mas estava licenciado para o Executivo, onde chefia a Secretaria de Micro e Pequenas Empresas.

Conduzida pelo Ministério Público do Distrito Federal e pela Polícia Civil, a Operação cumpriu ontem 14 mandados de busca e apreensão para recolher documentos e informações que ajudem a apurar denúncias de mau uso de emendas parlamentares destinadas a eventos em 2010.

Houve busca e apreensão também na casa de Ana Cristina Jacobino, onde a Polícia e o MP apreenderam cadernetas com informações que podem contribuir para elucidar  algumas das suspeitas levantadas contra Raad.

Nas cadernetas há supostos nomes e cargos de servidores, além de  valores anotados. Ana Cristina é ex-chefe de gabinete de Raad Massouh.

Os investigadores alcançaram ainda a casa de Luiz Henrique Ramiro da Silva, conhecido como Kiko, um dos principais assessores do deputado investigado. Ele chegou a trabalhar oficialmente para Raad na Câmara, mas acabou afastado porque não se enquadrava na exigência da ficha limpa para ocupar cargo público. Mesmo assim há relatos de que continuava assessorando o distrital nos bastidores.

Entre os locais de busca e apreensão da Mangona estavam ainda a Secretaria de Micro e Pequenas Empresas, no anexo do Palácio do Buriti, a casa e o rancho de Raad Massouh, que anunciou ontem o retorno para a Câmara Legislativa.

Fonte: Lilian Tahan /Foto Breno Fortes Correio Braziliense

SEGURANÇA: Mulher forja sequestro-relâmpago e é presa em Sobradinho


*Rener Lopes

Um caso que movimentou todo o aparato da Polícia Civil e Militar na tarde desta terça-feira (27) não passou de uma mentira. Foi desta maneira que uma mulher de 33 anos foi detida em Sobradinho.

Inicialmente, tudo parecia um sequestro-relâmpago. A mulher, cuja identificação não foi divulgada, teria sido sequestrada por volta das 15h30 na saída de um banco na 716 Sul e estaria sendo mantida num porta-malas de um veículo. Por meio de mensagens de texto, ela mantinha contato com a família sobre sua localização.

Assim, a família comunicou à Polícia Civil do caso e todo o aparato, como helicóptero e várias viaturas, foram mobilizados para iniciar as buscas. A mulher foi localizada duas horas depois, toda machucada, com uma lesão na face e estava com braço e pernas arranhados. Foi medicada e confirmou aos policiais que havia sido vítima de sequestro.

Chegando à Divisão de Repressão a Sequestros (DRS), no Setor de Garagens Norte, começaram as contradições. Ela informou diversos fatos ao delegado e, após muitas entrevistas, confessou que havia inventado todo o crime. A mulher informou que havia sido agredida pelo ex-marido no rosto e, para esconder o fato do atual namorado e da família, resolveu simular o caso.

Ela contou que foi a uma área rural em Sobradinho, se arranhou com um arame e, mesmo assim, tinha dito aos policiais que havia sido agredida pelo suposto sequestrador.

De acordo com o delegado Jonas Bessa de Paula, não é a primeira vez que isso acontece com essa pessoa: "Há um tempo atrás, a mesma pessoa registrou um caso de cheques que haviam sido roubados. Ela, na verdade, perdeu os cheques e registrou o caso para dizer ao dono do documento que tinha sido roubada", explicou.

"Pessoas que caem em golpes ou em problemas extraconjugais costumam ficar com vergonha e registram os casos de forma errada, como sequestros ou roubos", completou o delegado.

O delegado também ressaltou que, casos como esse, podem prejudicar quem necessita do apoio policial: "O prejuízo é muito grande. Nesse caso, a Polícia mobiliza todo esse aparato e, quem realmente precisa, fica prejudicado", disse.

A mulher foi autuada por falso comunicação de crime, pelos dois casos, o dos cheques e do sequestro-relâmpago. Se condenada, pode pegar de um a seis meses de detenção. Ela foi liberada após assinar Termo de Compromisso. O caso foi encaminhado para a Delegacia de Atendimento à Mulher, que prosseguirá com as investigações.

Saiba mais
De acordo com o delegado Jonas Bessa, alguns casos finalizados de sequestro-relâmpago não são comunicados às delegacias. Com isso, as investigações continuam e não são resolvidas. Por isso, a Polícia pede que, quando os familiares forem encontrados, compareça à uma Delegacia Policial mais próxima e comunique o encerramento do caso.

Fonte: Rener Lopes/ clicabrasilia

terça-feira, 27 de novembro de 2012

GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL



Secretaria de Estado de Comunicação Social

NOTA À IMPRENSA
 
Brasília, 27 de novembro de 2012 – O Governo do Distrito Federal esclarece que a operação realizada hoje pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) e pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) não se refere a atos administrativos da atual gestão.

A investigação que deflagrou a operação Mangona estava em curso há mais de dois anos, tendo entre os seus alvos suspeitas de desvios de recursos de emendas parlamentares no período de 2010.

A atual gestão do Governo do Distrito Federal está permanentemente fiscalizando os atos administrativos de seus integrantes por meio da Secretaria de Transparência, criada pelo governador Agnelo Queiroz para apurar e coibir qualquer ato irregular dos gestores do Poder Executivo local.


Secretaria de Comunicação Social
Governo do Distrito Federal
61 3961 4504/1568
imprensa.secomdf@buriti.df.gov.br.

EDUCAÇÃO: Abertas inscrições para Centros Interescolares de Línguas

Vagas são para alunos da rede pública, a partir do 5º ano do ensino fundamental, e do EJA


Até o dia 7 de dezembro estão abertas as inscrições para matrículas novas, nos Centros Interescolares de Línguas (CILs), da Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEDF). As vagas são, exclusivamente, para alunos matriculados na rede pública de ensino, a partir do 5º ano do ensino fundamental regular ou 2º e 3º segmentos da Educação de Jovens e Adultos (EJA). O resultado será divulgado no dia 25 de janeiro de 2013.

Para se candidatar a uma das vagas de inglês, francês ou espanhol, os interessados devem efetivar a inscrição pela página eletrônica da SEDF, que é autoexplicativa e com preenchimento automático. Caso o candidato não encontre o seu nome, vinculado à escola regular em que estuda, deve procurar a secretaria escolar para efetivar a inscrição no CIL.

Os alunos deverão escolher apenas uma única língua estrangeira e em uma das vagas existentes no contraturno em que estuda. Os estudantes que já estão matriculados em um dos CILs não precisam efetivar inscrição, pois a renovação da matrícula é imediata.

A SEDF conta com oito unidades de CILs, distribuídas em diversas cidades: Brasília (duas), Gama, Taguatinga, Brazlândia, Sobradinho, Ceilândia e Guará.

Para realizar as inscrições acesso o site: 


http://ieducar.se.df.gov.br/1o2013/matricula/internet/cil.php

Fonte: Secretaria de Educação

SEGURANÇA: Homem é preso após espancar companheira em Sobradinho


Um homem é acusado de tentar matar a companheira, no Núcleo Rural Boa Esperança, próximo a Sobradinho. Segundo informações da polícia, a mãe da mulher, que flagrou as agressões, fez a denúncia.  A vítima foi espancada e sofreu tentativa de estrangulamento. O suspeito teria a agredido com  socos na cabeça e mordidas pelo corpo.

Segundo os vizinhos que socorreram a vítima, ela estava completamente nua e muito ensanguentada quando procurou por ajuda. A mulher foi então levada ao Hospital Regional de Sobradinho, mas a expectativa era de que ela fosse ser transferida para o Hospital de Base.

O acusado resistiu à prisão e  reagiu tentando agredir um dos policiais. Em depoimento na delegacia, ele admitiu ter ingerido álcool.

Fonte clicabrasilia.com.br

JUSTIÇA: Ministério Público apreende documentos em casa e gabinete de Raad Massouh


Secretário Raad Massouh em imagem de arquivo

Investigação é sobre desvio de verba; Raad Massouh nega denúncia.
Emenda para fomento do turismo rural foi usada para evento sem licitação.

O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) realiza nesta terça (27) a "Operação Mangona", que investiga um suposto esquema de desvio de verba pública para a promoção de uma festa na região de Sobradinho, em 2010. O MP e a polícia cumpriram mandado de busca e apreensão na casa e no gabinete do secretário de Micro e Pequena Empresa, o deputado licenciado Raad Massouh (PPL).

Ele é o autor da emenda que destinou os recursos para a festa em Sobradinho, para o fomento do turismo rural. Ao G1, o secretário afirmou que sabe das irregularidades apontadas na realização do evento, mas disse que a responsabilidade não é dele.

"Não tenho obrigação de fiscalizar o uso da verba. Quem usa a verba é o Executivo, foi o administrador de Sobradinho na época. Ele pegou a verba e usou em outro evento, e eu não tenho nada a ver com isso. O Ministério Público tem mais é que fazer isso, tem que averiguar mesmo. Eu estou tranquilo, até minhas armas são registradas ", disse Massouh.

O evento ocorreu em outubro de 2010. Uma denúncia anônima levou a polícia a investigar a destinação de dinheiro público para a festa, que foi contratada com dispensa de licitação. As denúncias envolvem ainda superfaturamento de shows e atestados falsos na prestação de contas.

Na época, a região era administrada por Carlos Augusto de Barros. O G1 entrou em contato com ele, mas não obteve retorno até a publicação desta reportagem. Quando começaram as investigações, o ex-administrador disse que dispensou a licitação amparado por lei, que não houve superfaturamento dos shows e que o evento só foi feito em um dia por problema na geração de energia. Quanto aos artistas que não se apresentaram, ele disse que os shows foram compensados de outra forma.

Barros foi indicado para o cargo pelo próprio Massouh, em maio de 2010. Ele permaneceu à frente da administração até o final do mandato, em dezembro de 2010, dois meses depois do início das investigações sobre a irregularidade.

A atual administração de Sobradinho informou que a irregularidade aconteceu na gestão anterior e que o processo está na Polícia Civil, por isso não há como se manifestar a respeito.

Cerca de 15 promotores cumpriam nesta manhã mandados de busca e apreensão para recolher documentos em órgãos públicos em diversos pontos do DF.

Fonte G1/DF

CULTURA: Victor Santana, de Sobradinho, ganha Concurso Jovens Músicos


O violinista Victor Santana, 21 anos, de Brasília, foi o vencedor do V Concurso Jovens Músicos - Música no Museu, um evento de renovação da música clássica no Brasil, cuja a prova final foi realizada no último sábado (24/11), na Academia Brasileira de Música, no Rio de Janeiro. Victor foi contemplado com três apresentações e com um prêmio no valor de R$ 3 mil.

Além dele, o percussionista Henrique Batista, 25 anos, do Rio de Janeiro, ganhou a Bolsa de James Madison University, uma bolsa de estudos em uma universidade americana.

O V Concurso Jovens Músicos - Música no Museu é uma iniciativa que tem por objetivo incentivar e promover oportunidades para jovens músicos e revelar novos talentos. O concurso é resultado de oito meses de trabalho de uma comissão organizadora formada por professores de várias escolas de músicas e que selecionaram 19 semifinalistas de um universo de 100 candidatos.

Os Vencedores

1- Victor Santana (violão) - Brasilia - 21 anos - 1º lugar
2- Joao Elias (piano) - Rio de Janeiro - 22 anos - 2º lugar
3- Henrique Batista (percussão) - Rio de Janeiro - 25 anos - 3º lugar
4- Alessandro Andrade (piano) - Belo Horizonte - 24 anos - Menção Honrosa
5- Anna Carolina Leone Ferreira e Silva (violão) - Petrópolis - 20 anos - Menção Honrosa

O Júri

1- Ricardo Tacuchian (maestro e compositor)
2- Edmundo Villani-Cortes (maestro e compositor)
3- Luiz Carlos de Moura Castro (pianista e professor)
4- Paulo Bosisio (violinista e professor)
5- Graça Alan (violonista, doutor em música e professora)
6- Erick Ruper (pianista, professor e representante da James Madison University)
7- Lauro Gomes (musicólogo e representante da Radio MEC)
8- Gabriel Beavers (professor da Louisiania University -USA)
9- Michael Bartnik (professor da Nicholls State University - USA)

Fonte : Correio Braziliense

SEGURANÇA: Policiais Militares evitam acerto de contas em Sobradinho II e apreendem pistola com 14 munições


·         Claudio Martins

Por volta das 21h do dia 25/11, policiais militares do 13º Batalhão de Sobradinho apreenderam um menor de 16 anos com uma pistola calibre 380 com quatorze munições intactas. O menor que é morador de Nova Colina foi apreendido pelos policiais militares no momento que tentava acertar as contas com um desafeto de apelido “Galeguinho” na AR 24 de Sobradinho II.

Os policiais receberam uma informação de que na AR 24 conjunto 01 havia um elemento portando arma de fogo. Diante da informação os policiais seguiram até o local e depararam com três indivíduos na frente de uma residência.

Quando os suspeitos perceberam a presença dos policiais adentraram em uma residência. Os policiais conseguiram deter os indivíduos e realizar a abordagem nos mesmos. Com eles nada foi encontrado, entretanto ao realizar revista no lote, foi encontrada, embaixo de madeiras, uma pistola calibre 380, municiada com quatorze munições.

Os indivíduos foram detidos e um menor que estava com o grupo assumiu a propriedade da arma de fogo. Ele disse que estava naquele endereço para acertar as contas com o “Galeguinho”, pois ele havia ameaçado de morte, com uma arma de fogo, o seu colega, porém os policiais chegaram no momento do confronto e o “Galeguinho” correu para um matagal próximo.

O menor foi conduzido à DCA e autuado em flagrante pelo ato infracional análogo ao crime de porte ilegal de arma de fogo, pois o crime de homicídio não foi consumado graças aos policiais militares.

Por Claudio Martins (texto e foto) Especial para o Jornal de Sobradinho

Codhab convoca moradores da Vila Buritizinho


A documentação já pode ser entregue no posto montado na administração de Sobradinho II

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab) publicou na última terça-feira (20/11), no Diário Oficial do DF (DODF), a lista dos 38 candidatos habilitados à regularização de terrenos na Vila Buritizinho, em Sobradinho II. Outros 282 nomes, também divulgados hoje, estão com pendências nos processos e devem comparecer ao posto de atendimento da Codhab para cumprir com as exigências.

Quem não for corre o risco de não receber o Termo de Concessão de Uso (TCU) dos imóveis. Os candidatos nessa situação deverão levar a documentação ao posto do dia(20/11) até 19 de dezembro, entre 9h e 19h, de segunda à sexta-feira. O atendimento fica na Administração Regional de Sobradinho II.

Regularização – No dia 28 de outubro, o governador Agnelo Queiroz entregou 73 Termos de Concessão de Uso de terrenos às famílias da Vila Buritizinho que atendem os critérios da política habitacional do DF. Com a documentação, os moradores podem solicitar os alvarás de construção à administração regional, além de terem acesso aos serviços de água e energia elétrica.

"O nosso objetivo é dar segurança jurídica e dignidade àqueles que mais precisam do governo. Estamos fazendo uma cruzada para regularizar todo o DF, e não será diferente nessa comunidade", destacou o governador Agnelo Queiroz.

Famílias beneficiadas – Já em 24 de janeiro deste ano, 160 famílias retiradas de áreas de risco da Vila Rabelo foram levadas para o Setor Habitacional Buritis e receberam os TCUs. Além dessas, mais 25 famílias de pessoas com necessidades especiais que já moravam no local também receberam o documento. Na época, todos foram cadastrados e habilitados, já que se encontravam em conformidade com a política habitacional do Distrito Federal.

O processo de regularização da Vila Buritizinho faz parte do programa Regularizou, é Seu!, do GDF. O objetivo é legalizar as áreas ocupadas com autorização dos poderes Executivo ou Judiciário, desde que sejam utilizadas exclusivamente como habitação.

Fonte Agência Brasilia

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Revitalização das paradas de ônibus de Sobradinho



Projeto Ponto com Arte visa recuperar as paradas da cidade através de pinturas que retratam a história de Sobradinho
  
Todas as paradas de ônibus de Sobradinho vão ser transformadas em verdadeiros painéis com o registro da natureza exuberante da cidade serrana, bem como das personalidades que fizeram e fazem história aqui. Trata-se do Projeto Ponto com Arte, iniciativa da Administração de Sobradinho, em parceria com o grupo Onde a Periferia Acontece (OPA) – uma associação cultural, educacional e esportiva que trabalha com jovens carentes.

As características mais marcantes de Sobradinho vão ficar registradas através do grafite dos integrantes do Programa Jovem de Expressão, da associação Onde a Periferia Acontece. Todas as paradas da cidade serão revitalizadas com esse tipo de arte. Estima-se que no prazo de um mês o trabalho já esteja concluído.

O ato de lançamento do Projeto Ponto com Arte está marcado para a próxima quarta-feira (28/11), às 9h. Na ocasião, será revitalizada a parada da Quadra 01, em frente ao Centro de Educação Infantil (CEI) 01. A segunda etapa do projeto consiste em transformar todas essas paradas revitalizadas em pontos de leitura, de modo a transformar os pontos de ônibus da cidade em espaços voltados para a leitura.

Serviço:
Lançamento do projeto Ponto com Arte
Data: Quarta-feira, 28 de novembro de 2012
Horário: 9h

*Gizele Chaves

SEGURANÇA: Acidente entre moto e carro em Sobradinho deixa motoqueiro ferido





Um carro e uma moto se envolveram em um acidente na manhã deste domingo (25/11) na DF-420, em frente ao Condomínio Mansões Sobradinho, na entrada do conjunto D, em Sobradinho II. Jonathas de Sousa, que trabalha em uma loja de calhas, 25 anos, voltava da feira com a esposa quando se chocou com uma moto e bateu em um poste.


O veículo, uma Parati, ficou sem o retrovisor direito e teve o parachoque completamente amassado. O motoqueiro, ainda não identificado, foi encaminhado pelo Corpo de Bombeiro para o Hospital Regional de Sobradinho, fraturou o braço direito e teve outras escoriações no corpo, mas passa bem.

Segundo o Sargento Francisco Napoleão, da PM, como o caso é considerado um acidente de trânsito com vítima, será investigado: "A perícia foi ao local e agora a ocorrência fica por conta da 35ª Delegacia de Polícia Civil (Sobradinho)". Jonathas afirmou que tudo aconteceu muito rápido e que ele não chegou a ver a moto. "Acho que o piloto queria me ultrapassar pela direita, mas eu ia entrar e por isso houve o acidente. Em nenhum momento eu o vi. Ainda bem que ele está bem", disse.

Fonte Correio Braziliense / Amandda Souza

domingo, 25 de novembro de 2012

ESPORTE/MOTOCROSS: Disputas emocionantes em Sobradinho, levam decisões dos títulos para a final



A cidade satélite de Sobradinho, em Brasília (DF) sediou neste sábado (24) a 4ª e penúltima etapa do Arena Cross e disputas eletrizantes foi o que não faltaram para o campeonato chegar a final ainda mais empolgante.

Com uma trégua das chuvas que atingem diariamente o centro-oeste, o público compareceu em peso para prestigiar os pilotos da cinco categorias (MX Pró, MX2, Júnior, 65cc e 50cc) e torcer pelos brasileiros, que disputaram as primeiras posições com os estrangeiros. Entre os destaques da etapa, vitória de Leandro Silva na MX Pró e do americano Sean Lipanovich da MX2.

50cc e 65cc

Na 50cc disputa entre o líder da categoria Gabriel Andrigo e o atual campeão da 50cc, Carlos Pereira “Dadalzinho”, que busca o bi-campeonato da 50cc nesta temporada. Dadalzinho se distanciou do adversário e venceu a prova levando a decisão do campeonato para a final, em Goiânia. Com a vitória do mineiro empatou com Andrigo, ambos com 74 pontos, duas vitórias e um 2ª lugar. No critério de desempate, Andrigo continua líder. Chegaram nas 2ª e 3ª posições Andrigo e Rafael Araújo.

Na corrida da 65cc, Thiago Brenner e Arthur Todeschini, líder e vice do campeonato, começaram disputando a ponta, mas Brenner soube administrar e tomou a distância necessária para levar a corrida de ponta a ponta. Todeschini e Renato Paz também disputaram a 2ª posição, que Paz se agarrou e não abriu mão até o final. Todechini finalizou com o 3º lugar. Com o resultado, Brenner mantém a liderança com 70 pontos e Todeschini deixa de ser vice dando lugar para Renato Paz e passando para a 3º posição no campeonato. Os dois pilotos estão empatados com 62 pontos.

Júnior

Na Júnior, uma confusão na primeira curva deixou alguns pilotos no chão e favoreceu Gustavo Pessoa, que saiu direto para a ponta. Atrás dele o líder do campeonato Fábio dos Santos e Leonardo de Souza. Pessoa administrava bem a liderança até um problema mecânico na motocicleta deixar o piloto na mão, fazendo com que perdesse várias posições. Oportunidade para que Fábio e Leonardo disputassem a 1ª posição em um pega eletrizante. Na disputa, Leonardo mostrou sua evolução durante a temporada e negociou melhor a ultrapassagem com o adversário, passando a ser o ponteiro e ganhando no circuito brasiliense. Fábio dos Santos chegou em 2º e Djalma Brito na 3ª classificação.
“Não foi fácil vencer, tive que me esforçar bastante e estou muito feliz com o resultado. Para a final, não estou muito preocupado com o campeonato, vou treinar e dar o meu melhor”, revelou as expectativas Leonardo, que se aproxima do título da Júnior. Apenas cinco pontos o separa agora do líder Fábio dos Santos, com 69 pontos.

MX2
 
Imprevisível em todas as etapas, a passagem da MX2 no circuito do centro-oeste foi muito acirrada, com quedas e bons pegas pelo lugar mais alto do pódio.

O americano Sean Lipanovich largou na ponta, com Rafael Faria, líder do ranking geral, em sua cola. Hector Assunção, que também luta pelo título, não largou bem e agora se distancia da conquista. O português Hugo Basaúla, que estreou e venceu a última etapa em Indaiatuba (SP), e Faria chegaram a disputar a liderança, mas os dois foram para o chão, facilitando o caminho do americano para a vitória. Basaúla não conseguiu se recuperar a tempo, mas Faria correu atrás do prejuízo e ainda conseguiu chegar na 2ª posição. Anderson Cidade conquistou seu primeiro pódio, terminando em 3º lugar em Brasília. “Estou muito feliz com a vitória, não fiz um bom resultado em Indaiatuba (SP) e agora consegui me recuperar. Vou me concentrar para a final”, disse o americano.

A vitória de Lipanovich dá a ele a vice liderança do campeonato e Faria mantém-se líder, porém com uma folga maior, já que parte para a final com seis pontos de vantagem. Assunção caiu para a 3ª classificação, com 16 pontos de diferença para o líder.
MX Pró

O espanhol Carlos Campano fez o holeshot da primeira prova da MX Pró. Atrás dele, os curitibanos Leandro Silva e Jean Ramos. Os três fizeram com que público vibrasse na arena, andando com menos de um segundo de diferença de um para o outro. Destaque da corrida para Leandro Silva, que buscou a liderança do espanhol em vários momentos, fazendo uma corrida inteligente e tentando induzir o ponteiro ao erro. Campano firmou um ritmo forte e conseguiu se distanciar do perigo, seguindo direto para a bandeira quadriculada. Leandro também administrou bem sua 2ª posição, resistindo as investidas de Ramos e mantendo a posição até a bandeirada. Ramos terminou a primeira bateria com o 3º lugar e o líder da categoria, Adam Chatfield fez uma prova de recuperação, chegando em 4º.

Um duelo paranaense emocionante entre Leandro Silva e Jean Ramos marcou a final da categoria no território brasiliense. Wellington Garcia fez o holeshot, seguido de Ramos, seu conterrâneo e de Adam Chatfield. Campano não largou bem e teve que recuperar posições. Os dois paranaenses disputaram pegas emocionantes e andaram lado a lado brigando pela ponta. Leandro conseguiu a ultrapassagem em Ramos e num distraio ele perdeu também a 2ª posição para Chatfield, encerrando nessa sequência o pódio da 4ª etapa da competição.

Na soma de pontos, Leandro Silva foi o vencedor da etapa, Campano ficou em 2º e Chatfield na 3ª classificação da noite. “Esse com certeza foi o ano mais difícil em minha carreira, tive que me recuperar de lesões, me readaptar e com a vinda dos estrangeiros tivemos que buscar um ritmo mais forte. Mas eu e minha equipe trabalhamos muito, me senti a vontade hoje e chegou a hora”, comemorou o campeão do circuito brasiliense.

Na briga pelo título, Campano diminuiu apenas um ponto para o líder Chatfield, que agora soma 132 pontos. Jean Ramos mantém a mesma diferença que tinha para o inglês, com 11 pontos de desvantagem.

O campeonato continua no centro-oeste e segue agora para a vizinha Goiânia (GO), onde os pilotos das cinco categorias disputam a grande final no dia 08 de dezembro.
Acompanhe todas as informações da quarta etapa do Arena Cross no site oficial www.arenacross.com.br e também nas redes sociais Twitter e Facebook:@arenacrossbr
Facebook.com/arenacrossbr

O Arena Cross é apresentado pela Honda, tem patrocínio Mobil, co-patrocínio Pirelli, Yamaha, Mormaii e Revista da Moto!. A etapa tem apoio do Governo do Distrito Federal, Administração Regional de Sobradinho, rádio Transamérica, BWA e IMS Racing.






Veja vídeo do evento clicando no link abaixo:



Fonte : site arenacross.com.br (texto e fotos).